terça-feira, 13 de outubro de 2009

OBRIGADO !





O resultado das eleições autárquicas no Concelho de Cantanhede não foi favorável à candidatura do Partido Socialista.
Assumo por inteiro a responsabilidade política do resultado obtido. Não fui capaz de conduzir o processo de forma a passar a nossa mensagem.
No entanto reconheço que tinha uma equipa formidável, na Câmara Municipal, na Assembleia Municipal e nas 18 freguesias onde concorremos.
Mas, em democracia, o povo é soberano.

A população de Cantanhede escolheu o projecto do PSD, liderado pelo Prof. João Moura.
Ao Prof. João Moura e a toda a sua equipa os meus sinceros parabéns.
Estaremos, na oposição, de uma forma construtiva, como fizemos nos últimos 4 anos.

Um abraço especial às Presidentes de Junta de Portunhos e Corticeiro de Cima, Marta Carvalho e Cristina de Jesus, pelo seu trabalho nos últimos 4 anos, reconhecido nas urnas pelos seus conterrâneos.

Embora a campanha eleitoral tenha decorrido sem incidentes graves, houve, de parte a parte, alguns excessos de linguagem, pequenos insultos, que se devem exclusivamente ao “calor” eleitoral.
A partir deste momento temos de conviver nesta “aldeia” global.
Cada um no seu papel devemos lutar pelo engrandecimento do concelho, devemos lutar para colocar as instituições do concelho ao serviço dos cidadãos em geral.

Agradeço, do fundo do coração, o empenhamento, a disponibilidade e o trabalho de todos os candidatos do PS, de todos os apoiantes.
Um agradecimento especial para o staff da campanha pela sua lealdade, camaradagem e trabalho exemplar.

Por fim e em nome de todos os que colaboraram neste projecto os meus agradecimentos aos eleitores que confiaram em mim e nos candidatos apresentados em nome do Partido Socialistas. Muitos deles deram a “cara” sabendo do risco que corriam na sociedade e até mesmo no emprego.
Infelizmente não foi o suficiente, mas continuaremos “DO SEU LADO”, no sentido de dar a Cantanhede uma vida melhor, com os cidadãos em primeiro lugar.

A todos muito obrigado.


Manuel Ruivo

2 comentários:

sofia disse...

Foi com grande orgulho e profundo sentido de cidadania que estive DO SEU LADO percorrendo o concelho, falando com as suas gentes, instituições e entidades. Sabemos que o caminho é sinuoso, são muitos os hábitos criados, os obstáculos e as dificuldades encontradas.
Não obtivemos o resultado pretendido, mas fizemos muitos amigos, homens e mulheres das mais variadas idades, áreas profissionais e sociais com um único objectivo: melhorar as suas freguesias dignificando-as, não pedindo nada em troca! Aqui se vê o valor destes cidadãos. Gente séria, justa, honesta, com um grande sentido de responsabilidade e amor pelas suas terras.
Orgulho-me hoje e orgulhar-me-ei sempre de estar DO SEU LADO e do lado de Homens como o Manuel Ruivo, um exemplo de honestidade, seriedade e humildade.

Viva o nosso Concelho!

André disse...

DIGNIDADE....
Aqui se verifica a diferença, mais uma vez, DO SEU LADO.
Assumir como derrota pessoal os resultados verificados é a confirmação do sentido de dignidade de um Homem, de um candidato.

Parabéns Manuel Ruivo por este acto heróico, em duplo sentido:
- Seres candidato contra uma máquina bem oleada à custa de erário público – só nas telenovelas se vê o que fizeram (estradões de alcatrão á pressa; cartas anónimas sujas, porcas e nojentas; ofensas contra a liberdade de mulher (as divorciadas já não se podem candidatar?!!) e outras manobras;
- E por assumires pessoalmente os resultados negativos.

Vi muita coisa, diferente:

Temas a serem debatidos e falados abertamente, sem tabus.

Vi também que os ministros do governo central – seria constituído por socialistas? – viram muitas vezes a Cantanhede apertar a mão ao teu adversário...

Por outro lado não vi onde esteve a Federação.

Não vi ninguém nas Feiras de Febres, Tocha ou de Cantanhede, do mesmo modo e com a mesma “responsabilidade” como SEMPRE estão presentes, quando há jantaradas.
Pena, pena... muita pena.....

Gostei da equipa, do trabalho que tiveram e do seu esforço; aquela colossal caravana na sexta à noite; a organização dos debates; o jantar grandioso em Febres.

Mas também vi MEDO nos olhos de muitas e de muitos que se aproximaram de ti e dos teus colaboradores.

Medo de perderem o emprego, de não serem jamais respeitados, de serem empurrados para o esquecimento na sociedade, de serem transformados em seres humanos de 5ª classe, sem direito ao trabalho, à existência, à condição UNIVERSAL de SER HUMANO.

Esse medo deve ser denunciado, transformado em esperança por um melhor e bom futuro......

POR isso, MANUEL RUIVO e a tua EQUIPA devem continuar..... a cidadania a isso VOS obriga.
Acabem com o medo no Concelho de Cantanhede.
Mãos à obra... Aqui sempre estarei...
ANDRÉ GOMES